A utilização do constructo da autoestima nas pesquisas em saúde no Brasil: contribuições conceituais à prática clínica

Rômulo Mágnus de Castro Sena, Eulália Maria Chaves Maia

Texto completo:

HTML PDF

Resumen

A concepção sobre autoestima foi mutável no transcorrer das épocas. O presente estudo teve por finalidade analisar como a utilização desse constructo pelas pesquisas em saúde no Brasil, contribuiu para sua sistematização conceitual e aplicabilidade clínica. Trata-se de um estudo descritivo de revisão teórica; no qualse concluiu que, por ter um aspecto mais avaliativo, a mensuração daautoestima mostrou-se bastante eficiente na condução de pesquisas em saúde com diferentes públicos, variando em faixa etária, ocupação, relação com variáveis sociodemográficas, e perfis de saúde-doença.

Palabras clave

autoestima, psicometria, ciências da saúde.


Añadir comentario